Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Defesa Civil atuou em caráter preventivo em 2011



Dever cumprido em 2011 e boas expectativas para 2012. Este é o balanço que faz o coordenador da Defesa Civil de Imperatriz, Francisco das Chagas Silva, o Chico do Planalto, sobre as atividades do órgão. A pasta trabalha com a fiscalização, elaboração de atividades, prevenção de desastres e situações de risco. Além disso, também faz parte de suas atribuições a prestação de serviços assistenciais à comunidade.

Chico do Planalto revela que, de janeiro a novembro deste ano, foram realizadas 668 vistorias em estabelecimentos, incluindo bares e similares, empresas e lojas comerciais, postos de combustíveis e GLP (Gás Liquefeito de Petróleo). “Esse numero supera o balanço de 2010 quando nossos técnicos realizaram 601 vistorias, 67 a mais em relação ao ano anterior”, explica.

Também foram concedidas 1.345 autorizações provisórias de eventos. “Nesse caso os técnicos observam as condições de estabilidade de palcos, barracas, e elementos decorativos”, informou.

Em relação aos laudos técnicos de 2011, Chico Planalto explica que sua pasta vistoriou pontes, ruas e riachos obstruídos, obras irregulares, edificações com risco de desabamento, postes de eletrificação com risco de queda, o que resultou em 20 laudos. “O laudo técnico é emitido sempre de forma que comprove a veracidade dos fatos narrados de acordo com a ocorrência e mediante relatório fotográfico e demais anexos comprobatórios no qual é sempre encaminhado para o órgão competente”, frisa.

Segurança

Na prevenção de acidentes, foram realizadas vistorias e regularizações em 48 postos de combustíveis, sendo esse o numero total existente na cidade e, ainda, a vistoria e regularização de posto de GLP em 48 unidades de revenda do chamado gás de cozinha, em Imperatriz.

Ele destaca ainda que os técnicos da Defesa Civil realizaram o gerenciamento das praias do Cacau e do Meio, fornecendo orientações sobre segurança e condições de manutenção das barracas, como também a disponibilização de 17 guarda-vidas para garantir a segurança dos banhistas.

Ribeirinhos

Medidas preventivas e assistenciais também foram tomadas quanto às famílias residentes em áreas de risco de enchentes na cidade. Segundo Francisco das Chagas, 130 famílias foram abrigadas no Parque de Exposições, na AABB e na escola União. “O município realizou a entrega de cestas básicas e kits de higiene aos desabrigados pela cheia do Tocantins. O governo Madeira também prestou neste ano assistência às famílias desalojadas na cheia do rio Tocantins, totalizando 535 pessoas beneficiadas com a ação”, finalizou o coordenador.
(Comunicação)

Um comentário:

  1. PARABÈNS CHICO PLANALTO,SABEMOS QUE VC TEM UMA EQUIPE, MAS SE NAO FOSSE SUA COMPETÊNCIA NAO TERÌAMOS TANTOS BENEFÌCIOS, A CIDADE DE IMPERATRIZ AGRADECE .....VOCÊ ARRASOUUUU EM 2012 SERÀ MUITO MELHOR COM CERTEZA....

    ResponderExcluir