Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 30 de março de 2011

EITA RIO TOCANTINS

FOTO TIRADA AS 17:00 HS DE HOJE
Entre sobe e desce o rio Tocantins vive ultimamente, foi assim no periodo do verão 2010, e agora no periodo invernoso, ate que nesse momento não é extranho e nem supresa, mais é desconfortavel e muito exaltivo para os que convivem com a tal situação, alem dos riscos em saúde para as pessoas quais circula e passam na rua Luis Domingues com rua Nova nas proximidade do porto da Balsa, visto que a agua do rio se mistura com aguas contaminadas de esgotos. Todos os moradores da area ribeirinho foram alertados hoje às 15 horas pelos os agentes da Defesa Civil dos cuidados quais devem ter e ficarem em alerta, visto que o nivel das aguas do Tocantins está acelerando rumo as residencias e ruas.

MÃE CORRE ATRÁS DE RECURSOS PARA ENTERRAR FILHAS ENCONTRADAS MORTAS

A dona de casa Jucileide de Oliveira Marques, mãe das irmãs Fabiana e Luanda de Oliveira Marques, de 19 e 15 anos, encontradas mortas na última quarta-feira (09), em uma área do campus da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), corre atrás, desde ontem (10), de recursos para retirar os corpos de suas filhas do Instituto Médico Legal (IML). De acordo com Jucileide, não retirou os restos mortais de suas filhas porque não teria condições. “Fui ao IML com meu marido [padrasto] e peguei os atestados de óbitos, mas não pude levá-las por não ter possibilidades de comprar os caixões e os jazigos para enterrá-las”, disse amargurada.