Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 30 de março de 2011

MÃE CORRE ATRÁS DE RECURSOS PARA ENTERRAR FILHAS ENCONTRADAS MORTAS

A dona de casa Jucileide de Oliveira Marques, mãe das irmãs Fabiana e Luanda de Oliveira Marques, de 19 e 15 anos, encontradas mortas na última quarta-feira (09), em uma área do campus da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), corre atrás, desde ontem (10), de recursos para retirar os corpos de suas filhas do Instituto Médico Legal (IML). De acordo com Jucileide, não retirou os restos mortais de suas filhas porque não teria condições. “Fui ao IML com meu marido [padrasto] e peguei os atestados de óbitos, mas não pude levá-las por não ter possibilidades de comprar os caixões e os jazigos para enterrá-las”, disse amargurada.

Um comentário:

  1. Amigo Chico Planalto esse é um fato lamentável, é preciso urgentemente que o congresso Nacional der uma mexida em nosso código penal, e os governos reestruture a segurança dos estados há poucos dias aconteceu em uma pequena cidade do estado de São Paulo o assassinato de outras duas irmãs agora você divulga este novo caso macabro em Maceió.

    ResponderExcluir