Ocorreu um erro neste gadget

terça-feira, 16 de julho de 2013

BOLO DE 161 METROS DÁ INICIO AO ANIVERSARIO DE IMPERATRIZ (Público se antecipou e não esperou a presença do prefeito Sebastião Madeira para cortar o bolo)

Imperatriz completa 161 anos nesta terça (16) e a programação de aniversário teve início logo bem cedo, por volta das 6h30 da manhã, com o tradicional corte do bolo, que este ano teve 161 metros – número referente à quantidade de anos que a cidade comemora.
O bolo de 161 metros

Percorrendo a Rua Rui Barbosa, da frente da Prefeitura Municipal e se estendendo por quase dois quarteirões, o bolo já contava com centenas de pessoas ao seu redor com sacolas e todos os tipos de recipientes por volta das 7h. Um cordão de isolamento foi feito pelo Corpo de Bombeiros para garantir que a cerimônia acontecesse de acordo com a programação – que previa a participação do prefeito Sebastião Madeira na hora de cantar os parabéns.
A maioria das pessoas levou sacolas e vasilhas para pegar um pedaço do bolo

Rogéria, que veio do bairro Boca da Mata acompanhada de familiares, comenta que é a primeira vez que participa da cerimônia. “Eu trouxe minha lata e espero pegar pelo menos um pedaço do bolo”. Diferente de Rogéria, Wanda, que veio do bairro Juçara, já comparece na comemoração há dez anos. “Eu não dormi. Eu vim da Beira Rio, fui em casa, tomei um banho e agora estou aqui”, comenta entusiasmada. Segurando duas vasilhas, ela conta que nunca sai de mãos vazias. “Tem que estar bem posicionada. Eu sempre levo muito bolo para casa e esse ano não vai ser diferente”, enfatiza.
O bolo de 161 metros que percorria quase dois quarteirões

Por volta de 7h30, antes do início da cerimônia, as pessoas pularam o cordão de isolamento e começaram a pegar o bolo. Foram pouco mais de 20 segundos para que restassem apenas as mesas e restos espalhados pelo chão.

Em pouco mais de 20 segundos só restavam as mesas e restos de bolo

Sem esconder certa frustração, Chico Planalto, chefe da Defesa Civil de Imperatriz, comentou que as coisas não saíram de acordo com o que foi programado. “Infelizmente houve a invasão, porque onde tem o povo ninguém segura, né? A gente estava esperando o prefeito chegar, fazer a abertura, cantar os parabéns, mas infelizmente o pessoal não esperou”.


De acordo com Michelangelo Abreu, presidente da Associação dos Bombeiros Civis de Imperatriz, mais de mil pessoas compareceram ao local e, apesar da antecipação do público presente, tudo ocorreu com tranquilidade, sem incidentes.

Credito: DO MINUTO

Nenhum comentário:

Postar um comentário